data='blog' name='google-analytics'/>

Seguidores

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Veja como superar problemas no seu casamento!!

Descubra os seis principais motivos que podem acabar com uma relação e o que fazer para voltar a ser feliz a dois.

variedades


Ter momentos bons e ruins é normal em toda relação, não importa a quanto tempo vocês estejam juntos! Para resolver os problemas do casal, é preciso paciência, dedicação e trabalhar em parceria com o seu companheiro, sabendo ouvir o outro lado também. Conheça os pontos mais comuns de desentedimento do casamento:

Objetivos de vida diferentes

É um clássico: um quer morar no interior e o outro na capital. Ou um quer viajar com o dinheiro guardado e o outro, dar entrada em um imóvel para sair do aluguel. Diferenças de objetivos como essas ligam um alerta: tem algo errado na relação de vocês. Se estivesse tudo bem e os dois estivessem se sentindo completos, cederiam um pouco para ambos ficarem felizes. Essa diferença de planos está causando brigas sérias e o casamento virou um inferno? Pare, pense e converse muito para ver em que você pode ceder pela harmonia. Há sempre uma terceira alternativa que mistura os desejos dos dois e não machuca ninguém. Que tal?


Falta de admiração mútua

variedades

A gente acha fácil olhar os defeitos do outro. Tanto que às vezes nem temos consciência de que a pessoa tem pontos positivos. Para um casal se dar bem, precisa ter sensibilidade para perceber qualidades e saber que aquilo deve ser valorizado e dito ao outro. "Achar coisas boas no parceiro é melhor do que olhar defeitos", diz José Roberto Leite, coordenador de Medicina Comportamental da Unifesp (SP).

Infidelidade

variedades


Traição traz muito sofrimento. Quando a pessoa descobre a infidelidade, virtual ou real, sente-se desapontada, angustiada e, principalmente, apavorada com a ideia de que tudo aconteça de novo. "É difícil aconselhar alguém nessa situação, mas, se decidir perdoar, o correto seria dar realmente uma segunda chance ao relacionamento. Comece do zero, confiando novamente no marido. Viver com medo de uma nova traição vai fazer o relacionamento ficar insuportável, com ciúme exagerado", afirma a psicóloga Magdalena Ramos. Uma coisa importante para superar e voltar a ser feliz é descobrir os fatores que podem ter causado a traição. Será que é falta de vontade de transar? Você está dando atenção demais aos filhos e deixando o marido de lado? Ele anda carente demais? Se o casal conseguir corrigir junto os problemas que os estão afastando, é mais fácil deixar o casamento forte.

Falta de desejo sexual

variedades

Esse assunto é bem delicado e pode ser o precursor de traições, o que não é nem um pouco saudável para o casal! É preciso investigar: por que o desejo acabou? Talvez por causa de um problema de saúde, que pode ser curado. O principal é que nenhum dos dois deve culpar o outro pela falta de desejo, e sim assumir que o problema será resolvido em parceria. "Estamos abertos ao monólogo, mas não ao diálogo. Queremos falar e não queremos ouvir, mas saber os desejos e sofrimentos do outro é muito importante", afirma Leite. Encare o problema, veja os interesses de cada um e será muito mais fácil chegar ao consenso.

Divergências de ideias na educação dos filhos

variedades

Buscar informação é uma das principais soluções quando o pai e a mãe não concordam no método de educação dos filhos. Conversem com os professores, pedagogos e psicólogos da escola. Procurem livros sobre o assunto e tentem aprender juntos qual a melhor maneira de tratar os filhos. Mas, independente das crenças e expectativas diferentes, mantenham em mente que o objetivo é o mesmo: criar pessoas de caráter, com virtudes. Pesquisas americanas recentes comprovaram que quem tem virtudes boas e características positivas é mais feliz. E isso pai e mãe querem sempre, né?

Problemas financeiros

 variedades


Muitos casais nem conseguem conversar sobre esse tema. E, em alguns casos, não adianta só conversar. É preciso procurar ajuda de especialistas para ver onde estão os gastos exagerados. Mas é preciso saber que, quando o casal está sofrendo financeiramente, a culpa é dos dois. Juntos, precisam traçar um plano de vida e ver quais são seus objetivos com o dinheiro que recebem todo mês. Equilibrar as finanças é gastar menos do que se ganha para guardar alguma coisa. E é bom manter em mente: o prejuízo de um é o prejuízo dos dois; o lucro de um é o lucro dos dois. É importante cultivarem o companheirismo e compartilharem a responsabilidade com as contas da família para conseguir sair da crise, financeira e amorosa.

fonte: MdeMulher