data='blog' name='google-analytics'/>

Seguidores

segunda-feira, 9 de junho de 2014

Cura tudo: 10 doenças que o yoga pode melhorar



Há seis anos, Carolyn LaFleur esteve em um acidente de carro. Durante um ano e meio, ela não pode mover seu pescoço, teve dores terríveis no quadril, e dores de cabeça insuportáveis.
Gelo, fisioterapia e massagem terapêutica ajudaram seu pescoço e quadril, mas não fizeram muito pela sua dor de cabeça. Foi quando o doutor Loren Fishman, especialista em medicina de reabilitação, lhe “prescreveu” ioga.
“Ioga reduz a tensão e relaxa o músculo”, diz. “E no minuto em que você percebe que a ioga ajuda, isso levanta sua confiança de que você pode ajudar a si mesmo, dando-lhe o sentimento de conquista”, complementa o médico.
Não só Fishman, mas outros especialistas têm estudado o poder da ioga em melhorar todos os tipos de condições médicas, de depressão e disfunção sexual a lesões. Eles afirmam que a ioga baixa os níveis de estresse e relaxa tudo no corpo, incluindo vasos sanguíneos. Como as artérias relaxam, não há mais fluxo de sangue por toda parte, então tudo fica melhor. Confira 10 doenças em que a ioga pode fazer diferença e corra para a próxima academia:


1 – Dores de cabeça
Algumas poses da ioga, como a postura do camelo, da roda e da ponte podem ajudar com dores de cabeça. Essas poses esticam os músculos na frente do peito, que ajudam a controlar a cabeça.
2 – Asma
Vários estudos, incluindo um publicado em um periódico médico indiano de fisiologia e farmacologia, mostra que a ioga auxilia os que sofrem de asma. Procure profissionais para saber quais poses ajudam.


3 – Disfunção sexual em mulheres
Pesquisas mostram que as mulheres que praticam ioga melhoram o desejo sexual, a satisfação e os orgasmos. Especialistas sugerem uma sequência de posturas como agachamento de pernas, postura do lagarto e postura do sapo para melhorar a vida sexual da mulher.
4 – Disfunção sexual em homens
Médicos na Índia têm usado a ioga com sucesso para tratar homens com ejaculação precoce. Nesse caso, também, certas poses parecem ajudar os homens a melhorar suas vidas sexuais, como a postura do cachorro.
5 – Problemas de sono
Pesquisadores de câncer descobriram que pacientes com linfoma que fazem ioga dormem melhor do que os que não fazem. Alguns guias de ioga sugerem que você faça a postura do bebê feliz ou da deusa antes de ir para a cama.
6 – Dores menstruais
Uma pesquisa constatou que as posturas da cobra, gato e peixe ajudaram adolescentes e mulheres jovens com dor menstrual.
7 – Lesões no manguito rotador
O manguito rotador é o grupo de músculos que cobre a cabeça do úmero e tem grande importância na estabilização, na força e na mobilidade do ombro. Um estudo de Loren Fishman mostrou que uma postura na qual o praticante fica de cabeça para baixo com ajuda de uma outra pessoa pode ajudar pessoas com lesões no manguito rotador.
8 – Osteoporose
Fishman também publicou um estudo mostrando que uma sequência de 10 poses de ioga ajuda a construir densidade óssea em mulheres após a menopausa.
9 – Sensibilidade à dor
De acordo com um estudo da Universidade de Utah, EUA, as pessoas que praticam ioga têm uma maior tolerância à dor do que aquelas que não praticam.
10 – Depressão e ansiedade
Um estudo alemão mostrou que mulheres emocionalmente perturbadas tornaram-se menos deprimidas e ansiosas depois que fizeram duas aulas de 90 minutos de ioga por semana, durante três meses. A pesquisa sugere as posturas do camelo, da ponte e da roda.

fonte: www.hypescience.com