data='blog' name='google-analytics'/>

Seguidores

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Nasce filho de Kate Middleton e do príncipe William

Nasceu nesta segunda-feira, 22, o bebê do príncipe William e de Kate Middleton. É um  menino e nasceu às 16h24 (horário de Londres) com 3, 79kg, diz comunicado oficial.

Segundo comunicado oficial, mãe e filho passam bem e ficarão a noite no hospital: "Sua Alteza Real a Duquesa de Cambridge deu à luz um menino às 4:24 pm. O bebê pesa 3,79 kg e o Duque de Cambrigde estava presente durante o parto.

A rainha, o duque de Edimburgo, o príncipe de Gales, a duquesa da Cornualha, o príncipe Harry e os membros de ambas as famílias foram informados e estão encantados com a notícia.
Sua Alteza Real, e seu filho são ambos bem e vai permanecer no hospital durante a noite", dizia o comunicado enviado à imprensa.
O bebê, que é o terceiro na linha de sucessão ao trono britânico,  veio ao mundo no St Mary’s Hospital, em Londres, mesmo hospital onde William e seu irmão, Harry, nasceram.
Kate Middleton entrou em trabalho de parto pouco antes das 6h da manhã (2h da madrugada no horário de Brasília) desta segunda, e deu entrada no hospital com o príncipe William ao seu lado.
“Sua Alteza Real a Duquesa de Cambridge foi admitida esta manhã no Hospital de St. Mary, Paddington, em Londres, nas fases iniciais do trabalho de parto”, disse o comunicado oficial.
Twitter oficial anuncia nascimento do bebê real (Foto: Twitter / Reprodução)
Twitter oficial anuncia nascimento do bebê real
Ainda de acordo com o comunicado,  Kate Middleton viajou de carro do Palácio de Kensington para a ala Lindo do hospital St. Mary acompanhada pelo Duque de Cambridge. Eles entraram no local por uma porta lateral.
Segundo a revista “People”, Kate está sendo atendida por uma equipe liderada pelas mãos experientes do ginecologista Marcus Setchell, de 69 anos, e por Alan Farthing. Há também uma equipe que inclui alguns anestesistas, obstetras e enfermeiros. “Eles estão extremamente animados”, teria dito um amigo de William e Kate à revista “People”. "As coisas estão progredindo normalmente", teria dito um porta-voz ao site "E! News".
A Rainha Elizabeth II, os membros da Família Real e os familiares de Kate Middleton foram os primeiros a saber sobre o nascimento. Segundo o "E! Online", o príncipe William deve quebrar a tradição e avisar a rainha do nascimento por telefone, e não por uma nota escrita à mão, como ocorria até então.
Minutos depois, um aviso com o sexo e o horário em que o bebê real chegou ao mundo foi publicado em um cavalete de madeira em frente às grades do Palácio de Buckingham e, em seguida, uma mensagem eletrônica foi enviada para a mídia. O nome da criança, que será o terceiro na linha de sucessão ao trono, pode levar uma semana para ser revelado. O de Príncipe William, por exemplo, permaneceu um mistério durante uma semana; o de Charles, durante um mês.

egundo o site da revista "Closer", Kate Middleton e Príncipe William optaram por não saber o sexo da criança antes do nascimento. As especulações sobre o possível nome do bebê apontam para duas opções: Alexandra (o nome do meio da Rainha) e George (o nome de seis reis britânicos). Os bebês que também nasceram nesta segunda-feira, 22, receberão uma moeda de prata com escudo das Forças Armadas Reais.
Kelly Osbourne se manifestou em sua página no Twitter sobre o nascimento do bebê real: "Estou muito animada que o bebê real está a caminho!".
Comunicado da Monarquia Britânica no Facebook (Foto: Reprodução)
Comunicado da Monarquia Britânica
no Facebook (Foto: Reprodução)
Licença-paternidade
Segundo a agência de notícias AP, William vai tirar duas semanas de licença-paternidade e depois vai retornar às suas obrigações militares como piloto em Wales, que estão previstas para terminar em setembro.
Após o nascimento do herdeiro, ele e Kate se mudam para o palácio de Kensington, no Centro de Londres, após passar um período vivendo em uma casa de campo isolada na ilha de Anglesey. Enquanto o apartamento em que o casal vai morar passa por obras, eles irão ocupar uma propriedade de dois quartos que também fica no palácio.

O site Radar Online diz que Carole Middleton, mãe da duquesa, irá passar algumas semanas no palácio também, para ajudar a filha com o bebê. Depois uma babá ficará responsável por dar assistência à nova mamãe.
"Pelo que podemos ver de Kate, ela vai querer a ajuda de sua mãe mais do que de qualquer pessoa no começo. Ela não quer ser forçada a usar babás, mas Carole não está sendo encorajada a ficar com ela por muito tempo. Depois que ela for embora, Kate deve usar uma babá real e, quando a criança crescer, deve ter duas babás, uma principal e uma para as folgas, assim como William e Harry tiveram", declarou o segurança Ken Wharfe ao jornal "Sunday Mirror".
Ainda de acordo com o site, qualquer presente enviado para o bebê real irá para o Palácio de Buckingham, onde passará pelo raio-X do correio e será doado para caridade.
Palácio reformado para receber o bebê
Segundo o jornal "London Evening Standart", o palácio de Kensington está sendo reformado para que o casal e o filho possam viver lá e a obra está orçada em 1 milhão de libras, o equivalente a R$ 3,3 milhões, aproximadamente.
Além de William, estavam previstas as presença de Carole e Pippa Middleton, mãe e irmã da duquesa, durante o parto.
A imprensa estava acampada na porta do local desde o dia 1º de julho. Se seguir a tradição, Kate deve deixar o hospital pela porta do local e posar com o bebê nos braços.
FONTE: http://ego.globo.com/

Papa Francisco, chega ao Brasil!!

Recebido pela PRESIDENTE DILMA ROUSEFF
 O Papa Francisco pisou em solo brasileiro pontualmente às 16h desta segunda-feira. O desembarque foi realizado sem problemas na Base Aérea do Galeão, na Ilha do Governador, Zona Norte da cidade. O avião que trouxe o Papa da Itália pousou por volta de 15h45m. A aeronave exibia duas bandeiras penduradas na cabine do piloto: uma do Brasil e outra do Vaticano. A presidente Dilma Rousseff, que chegou ao Rio cerca de meia hora antes, foi a primeira a cumprimentar o Pontífice, que veio ao Rio para a Jornada Mundial da Juventude. Uma jovem entregou um buquê de flores ao Pontífice, que era aguardado por cerca de 200 pessoas, entre elas o governador Sérgio Cabral, o prefeito Eduardo Paes e o arcebispo do Rio, dom Orani Tempesta. O Papa foi recebido também por um coral, formado por 120 jovens.






Segue nesse momento em carro fechado, para a Catedral Metropolitana no Rio de Janeiro!!
Havera uma rapida cerimonia! 



A caminho da Catedral....

Papa abre os vidros do carro ao passar para Linha Amarela para saudar a população. 

fonte: http://oglobo.globo.com/

segunda-feira, 15 de julho de 2013

Dicas para elevar sua auto-estima

Aqui estão algumas dicas para identificar e aumentar sua auto-estima:

O que é auto-estima?

É a opinião e o sentimento que cada pessoa tem por si mesma.




É ser capaz de respeitar, confiar e gostar de si. Você está de bem com seu corpo? Saiba agora se está dentro peso saudável.
Melhor caminho para o autoconhecimento: diálogo interno. Características da baixa auto-estima:

- insegurança

- inadequação

- perfeccionismo

- dúvidas constantes

- incerto do que se é

- sentimento vago de não ser capaz de realizar nada >> depressão

- não se permite errar

- necessidade de agradar

- aprovação

- reconhecimento



O que diminui a auto-estima?

- críticas e autocríticas

- culpa

- abandono

- rejeição

- carência

- frustração

- vergonha

- inveja

- timidez

- insegurança

- medo

- humilhação

- raiva

- e, principalmente: perdas e dependência (financeira e emocional)


Quando começa a se formar

Na infância. A partir de como as outras pessoas nos tratam. Quando criança pode-se alimentar ou destruir a autoconfiança. Auto-estima baixa geralmente está relacionada a falsos valores. Crença que é necessária aprovação da mãe ou pai.

Para elevar a auto-estima é preciso:

- autoconhecimento

- manter-se em forma física (gostar da imagem refletida no espelho)

- identificar as qualidades e não só os defeitos

- aprender com a experiência passada

- tratar-se com amor e carinho

- ouvir a intuição (o que aumenta a autoconfiança)

- manter diálogo interno

- acreditar que merece ser amado(a) e é especial

- fazer todo dia algo que o deixe feliz. Pode ser coisas simples como dançar, ler, descansar, ouvir música, caminhar.

Resultados da auto-estima elevada

- mais à vontade em oferecer e receber elogios, expressões de afeto

- sentimentos de ansiedade e insegurança diminuem

- harmonia entre o que sente e o que diz

- necessidade de aprovação diminui

- maior flexibilidade aos fatos

- autoconfiança elevada

- amor-próprio aumenta

- satisfação pessoal

- maior desempenho profissional

- relações saudáveis

- paz interior



Por:
Rosemeire Zago 

terça-feira, 2 de julho de 2013

Largar cigarro aos 30 anos aumenta vida em 10 anos, dizem médicos

Cardiologista Jaqueline Issa destacou os benefícios de parar de fumar.
Roberto Kalil também explicou o que o fumo pode causar ao coração.


Até apagado, o cigarro libera substâncias que prejudicam a saúde. Aceso, então, são quase 5 mil componentes tóxicos, responsáveis por quadruplicar o risco de morte por doenças cardiovasculares, como infarto e derrame cerebral.
Além disso, uma em cada cinco mortes por problemas no coração ou no sistema circulatório é causada pelo fumo. E até fumantes passivos sofrem: 30% mais riscos de uma doença cardíaca.
Os cardiologistas Roberto Kalil e Jaqueline Issa explicaram nesta terça-feira (2) os malefícios que o cigarro provoca ao coração e a outros órgãos, como câncer. Os médicos também destacaram o quanto é possível ganhar de expectativa de vida ao largar o vício, dependendo da idade de cada pessoa ao parar.






Cigarro eletrônico e outros
A venda de cigarro eletrônico é proibida no Brasil, mas há quem traga o produto do exterior ou compre pela internet.
Não há evidências científicas de que o cigarro eletrônico ajude a parar de fumar, pelo contrário: acredita-se que ele possa até fazer mal à saúde.
Outros tipos de cigarro mais “fracos”, com menor teor de nicotina, também não resolvem o problema, pois não há níveis seguros dessas substâncias no sangue. Por isso, narguilé, cachimbo, charuto, cigarro de palha e outros tipos não são indicados.

Segundo os médicos, parar de fumar é mais barato do que usar remédios para o coração.
Nesse processo, é aconselhado usar medicamentos contra a ansiedade, aconselhamento psicológico e reposição de nicotina, por adesivos na pele, goma de mascar ou outros meios.

Parar sozinho também é possível, mas mais difícil – por essa razão, quem quiser mesmo deixar o vício, é importante procurar ajuda.

Cigarro está ligado a 70% dos casos de câncer de bexiga, aponta estudo


Um levantamento feito pelo Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp) com 2.500 homens e mulheres operados de tumor na bexiga entre 2009 e 2012 aponta que um em cada sete pacientes era fumante ou já havia sido. Nesta segunda-feira (4), é lembrado o Dia Mundial de Combate ao Câncer.
Segundo o coordenador do serviço de urologia do Icesp, Marcos Dall’Oglio, o tabagismo é um dos principais fatores de risco para a doença. Só no ano passado, o instituto tratou mais de 600 pacientes com o problema.

"Dez anos depois de a pessoa parar de fumar, a situação chega perto de se normalizar. As substâncias do cigarro, a combustão e a fumaça causam um processo irritativo no sistema urinário, e a longo prazo essas alterações podem se transformar em um tumor maligno", explica.


Depois do fumo, outro fator de risco para o câncer na bexiga são produtos químicos como tinturas de cabelo e tintas em geral, tecidos, borracha, petróleo e derivados. Segundo o médico do Icesp, indivíduos que trabalham com esses compostos por mais de dez anos seguidos – inalando-os ou tendo contato direto na pele – apresentam maior probabilidade de desenvolver a doença nos rins, nos ureteres (canais que transportam a urina entre os rins e a bexiga) e na bexiga – esta é ainda mais propensa, porque armazena as substâncias por mais tempo.
"Por isso, é preciso ter o máximo de cuidado com o manuseio desses produtos, usar máscara e luvas. Ingerir bastante água e fazer xixi regularmente, para lavar o aparelho urinário, também ajuda a prevenir infecções, cálculos e câncer. Esse, aliás, é o melhor remédio", diz Dall'Oglio.
Diagnóstico tardio
Segundo o urologista, metade dos casos de câncer de bexiga que chegam ao Icesp está em estágio avançado. Para esses pacientes, 50% não ultrapassam os cinco anos de vida.
Um dos principais motivos para o diagnóstico tardio é que esse tumor pode ser confundido com infecção urinária, cálculo na bexiga ou problema na próstata – pois todos causam dor e ardência para urinar. Apesar disso, em 88% dos casos, esse tipo de câncer provoca também sangue na urina, o que aparece logo no começo da doença.

Tomar bastante água e fazer xixi com frequência
ajudam a limpar o aparelho urinário (Foto: EPTV)
A faixa de maior risco são homens com mais de 50 anos. As estatísticas apontam que, para cada paciente do sexo feminino com câncer de bexiga, há três do sexo masculino. O tratamento pode envolver cirurgia, para cauterização do tumor pela uretra (canal que conduz a urina desde a bexiga até o pênis ou a vagina).
"Se a pessoa precisar, é feita também químio e/ou radioterapia. Se for necessário retirar a bexiga, o órgão é reconstruído com parte do intestino delgado. É retirado um pedaço de cerca de 40 cm, lavado cuidadosamente e colocado no lugar da bexiga antiga", esclarece Dall'Oglio.
De acordo com o urologista, a percepção de que a bexiga está cheia muda nesse caso, mas dá para reaprender e se adaptar à nova situação.
Medidas anticâncer
O oncologista clínico do Icesp Gilberto de Castro Junior destaca que 30% das mortes por câncer no mundo acontecem em decorrência do tabagismo. E quem deixa de fumar demora pelo menos 20 anos para ter o risco igual ao da população geral.
"Não existe nível seguro para o cigarro, ele precisa ser abolido. Entre as dez principais medidas para evitar o câncer, as três primeiras são: não fume, não fume, não fume", diz.
Entre as dez principais medidas para evitar o câncer, as três primeiras são: não fume, não fume, não fume'
Gilberto Castro Junior,
oncologista
Em seguida, Castro Junior cita o álcool, que também potencializa os danos do tabagismo. A recomendação é que as pessoas não bebam nunca ou tomem no máximo três doses por semana, no caso dos homens, e duas doses para as mulheres. Uma dose equivale a uma lata de cerveja ou uma taça de vinho.
Na sequência, o oncologista enumera a importância de manter uma alimentação saudável, com muitas frutas e verduras cruas, e com a menor quantidade de gordura, carne vermelha e comida industrializada possível.
Além desses hábitos, o médico diz que é importante fazer exercício físico regularmente e controlar o peso. O sexo seguro, com camisinha, também ajuda a prevenir tipos de câncer provocados por vírus, como o do papiloma humano (HPV) – que causa câncer de colo do útero, pênis, vulva, boca e garganta – e os das hepatites B e C.
Evitar o sol entre as 10h e as 14h (no horário de verão, das 11h às 15h), usar protetor solar, óculos de sol e chapéu são outras formas de prevenir o câncer de pele.

"E a qualquer alteração importante no corpo, como perda de peso, intestino preso, febre contínua, uma dor nova, é bom ir ao médico", afirma.














fonte: http://g1.globo.com/bemestar/